Um guia para pacientes e familiares

O que é o câncer?

O câncer pode começar em qualquer parte do corpo. Ele começa quando as células se desenvolvem de forma descontrolada, deslocando as células normais. Isso torna difícil para o corpo trabalhar de modo adequado.

Para muitas pessoas, o câncer pode ser curado completamente. De fato, as pessoas depois do tratamento do câncer melhoram a qualidade de suas vidas, mais do que nunca.

Aqui, explicaremos o que é o câncer e como ele é tratado. Você encontrará uma lista de palavras sobre o câncer e o que elas significam no final dessa explanação.

Cânceres básicos

Existem inúmeros tipos de câncer e ele não é somente uma doença. Ele pode começar nos pulmões, no seio, no colon ou mesmo no sangue. Alguns tipos de cânceres são parecidos em alguns aspectos, porém são diferentes nas maneiras de se desenvolverem e se difundirem.

Como os cânceres se assemelham?

Todas as células dos nossos corpos têm determinadas tarefas a cumprir. As normais se dividem de forma ordenada e morrem por estarem velhas ou danificadas e são substituídas por novas células. Quando elas começam a se desenvolver de forma descontroada dá origem ao câncer. As células cancerígenas continuam a crescer e a criar novas células, deslocando as células normais. Isso causa transtornos na parte do corpo onde o câncer começou.

As células cancerígenas, também pode se espalhar por outras partes do corpo como, por exemplo, as células cancerígenas dos pulmões que podem migrar para os ossos e lá se desenvolverem. Quando elas se espalham é chamada metástase, mas quando o câncer dos pulmões se espalha para os ossos, ainda é chamado câncer de pulmão. Para os médicos, as células cancerígenas dos ossos se parece com as dos pulmões e não é considerado câncer ósseo, a menos que, tenha começado neles.

Como os cânceres são diferentes?

Alguns cânceres crescem e se desenvolvem rapidamente e outros mais devagar. Também, se diferenciam na forma de responder ao tratamento. Para alguns a cirurgia é a melhor forma de tratamento, para outros a melhor forma são as drogas chamadas quimioterápicas. Frequentemente, dois ou mais tratamentos são utilizados para se obter melhores resultados.

Quando alguém está com câncer o tipo desta doença tem de ser avaliado pelo médico. As pessoas com esta doença precisam de um tratamento que seja compatível com o tipo do câncer que ela possui.

O que são tumores?

A maioria dos cânceres formam um nódulo chamado tumor ou neoplasia. Mas nem todos os nódulos são cancerosos. Os médicos extraem um pedaço do nódulo (biópsia) e o examina para verificar se é cancerígeno. As protuberâncias que não são cancerígenas são chamadas benignas e aquelas que são cancerígenas são chamadas malignas.

Existem cânceres, como a leucemia (câncer do sangue), que não formam tumores. Eles se desenvolvem nas células do sangue ou em outras células do corpo.

“Existe um medo que lhe traspassa quando lhe dizem que você tem câncer. É muito difícil no começo pensar em outra coisa a não ser no diagnóstico. Toda manhã é a primeira coisa que lhe vem na mente.

Eu quero que as pessoas saibam que tem solução. Falar sobre o seu câncer lhe ajuda a lidar com todas as novas emoções que você está sentindo. Lembre-se que ficar preocupado é normal. ”

 

– Declaração de um sobrevivente que superou o câncer.

Em qual estágio o câncer se encontra?

Também, o médico precisa saber, se e quanto o câncer se espalhou a partir do ponto em que começou. Isso é chamado estágio do câncer. Você pode ter ouvido alguém falar que o seu câncer se encontra no estágio 1 ou 2. Conhecer o estágio do câncer ajuda o médico decidir que tipo de tratamento é o melhor.

Para cada tipo de câncer existem testes específicos que podem ser feitos para descobrir o estágio do câncer. Como regra, um estágio inferior (estágios 1 e 2) quer dizer que o câncer se espalhou pouco. Um número superior (estágio 3 e 4) significa que ele se espalhou muito. O estágio 4 é o mais elevado.

Peça ao seu médico para explicar o estágio do seu câncer e o que ele significa para você.

Como o câncer é tratado?

A cirurgia pode ser usada para remover o câncer. O médico também pode tirar algumas ou todas as partes do corpo afetadas. Para o câncer de mama, parte da mama, ou mesmo, toda ela pode ser removida. Para o câncer de próstata, essa pode ser retirada. A cirurgia não é usada para todos os tipos de câncer. Por exemplo, os cânceres de sangue como a leucemia é melhor tratada com drogas.

A quimio (abreviatura para quimioterapia) é o uso de drogas para matar as células cancerosas ou retardar o seu crescimento. Alguns procedimentos de quimioterapia podem ser injetados na veia e em outros através da ingestão de uma pílula. Como as drogas de quimioterapia percorrem, quase todas as partes do corpo elas agem no câncer que se espalhou.

A radioterapia, também é usada para matar ou retardar o crescimento das células com câncer. Ela pode ser usada sozinha, ou combinada com cirurgia ou com quimioterapia.

O tratamento radioterápico é como aquela obtida por raio X. As vezes, é introduzida uma “semente” dentro do tumor para que a radiação possa ser emitida.

"Para mim foi útil porque eu pude dar um passo atrás no tempo e observar todo o contexto. Obter as respostas às minhas perguntas me ajudou a tomar uma boa decisão. Eu fiz o que eu queria e precisava fazer. Eu fiz coisas que me fizeram sentir confortável, não o que os outros pensavam que eu precisava fazer para ficar confortável. "

 

- Um sobrevivente do câncer

Qual é o melhor tratamento para mim?

O tratamento do seu câncer vai depender do que for melhor para você. Alguns cânceres respondem melhor à cirurgia, já outros à quimioterapia ou à radioterapia. Conhecendo-se o tipo do câncer que você tem o primeiro passo é saber quais tratamentos lhes serão úteis.

Também, o estágio do seu câncer, vai ajudar o médico a decidir pelo melhor tratamento que trata todo o corpo, como a quimio.

Também, sua saúde e o tratamento que você preferir vai desempenhar um papel fundamental para o tratamento do câncer. Nem todos os tipos de tratamentos funcionarão para seu câncer, por isso, pergunte quais são as opções de tratamentos disponíveis os efeitos colaterais de cada um, bem como, que resultado esperar para cada um deles.

Não tenha receio em fazer perguntas. É seu direito saber quais tratamentos são mais suscetíveis ajudar e os efeitos colaterais que cada um deles possam trazer.

Por que isso veio acontecer logo comigo?

As pessoas com câncer se perguntam, frequentemente, “O que é que eu fiz de errado? ” ou “Por que eu?” Os médicos não sabem com certeza o que causa o câncer. Quando os médicos não fornecem uma causa elas podem especular sobre o que levou isso acontecer. Algumas pessoas acham que estão sendo punidas pelo que fizeram ou deixaram de fazer no passado. A maioria delas se perguntam, se fizeram algo que veio a lhe causar o câncer.

Se você está tendo esses sentimentos saiba que não está sozinho. Pensamentos e crenças como esses são comuns nas pessoas com câncer. Você precisa saber que o câncer não é uma punição pelas suas ações passadas. Tente não se culpar ou procure focalizar as maneiras que possam impedir que o câncer se desenvolva. O câncer não é uma falha sua e, quase nunca existe um meio de descobrir sua causa. Ao invés disso, se concentre em cuidar-se, da melhor forma possível, a partir de agora.

Como falar aos seus entes queridos sobre o câncer

Falar sobre o câncer, mesmo com as pessoas que você ama é difícil. Informar que você tem câncer pode despertar muitos sentimentos, como tristeza, raiva e medo. Algumas vezes é difícil você saber como está se sentindo e muito menos falar com os outros sobre isso.

Seus entes queridos, também, podem ter dificuldade em falar sobre o câncer. Não é fácil para eles saber o que dizer para lhe ajudar ou fazer com que você se sinta melhor.

Aqui estão algumas dicas para ajudar você e aos seus entes queridos a lidar com o câncer

·        Conte para sua família e para os seus amigos que você está com câncer, assim que se sentir apto para isso. Mais cedo ou mais tarde, eles vão saber e poderão se sentirem magoados ou descartados se não ouvirem isso de você.

·        Quando você falar com eles, explique que tipo de câncer você tem e como vai ser tratado. Permita que eles saibam que não é uma doença contagiosa.

·        Permita que seus amigos e familiares lhes ajude diga a eles que    tipo de ajuda você precisa. Se precisar de uma carona para ir até o consultório médico ou ao hospital se precisar de ajuda em casa, os deixe informados. Pode haver momentos que você não tenha certeza do que precisa. Tudo bem! Apenas lhes diga que você não está sabendo explicitar o que você quer, mas os informará, assim que você precisar.

·        Fale com as pessoas que estão mais próximas, como você está se sentindo. Isso pode não ser fácil, mas pode ser uma forma muito importante para conseguir o apoio que você precisa e quando precisar mais adiante. Se você sentir dificuldade em falar sobre seus sentimentos, procure um grupo de apoio ou um psicólogo para lhe ajudar.

·        Se você tiver amigos ou familiares que pedem para que você “se anime” quando você não está se sentindo bem, é bom pedir a eles para só lhe ouvir e não dizer o que você tem de fazer. Às vezes você precisa falar sobre o que está acontecendo sem necessitar de conselhos.

·        Se alguma pessoa não estiver a fim de ouvir você falar dos seus sentimentos, não fique chateado. Tente falar com outra que possa lhe ouvir.

·        Você pode não ser mais capaz de fazer as coisas que fazia antes de adoecer. Se isso ocorrer, comunique a seus familiares e amigos.

·        É melhor para sua família e amigos continuar a fazer as coisas que eles faziam antes de você adoecer. Eles não podem se sentir culpados por fazer isso.

 "Falar em voz alta,  'Eu tenho câncer' pela primeira vez, é difícil. Quanto mais você diz, mais fácil se tornam essas palavras. Quanto mais eu falava sobre meu câncer de mama, mais fácil era para mim aceitar o que eu estava passando. Achei estranho que, às vezes, eu tivesse que animar àqueles que eu estava contando sobre meu câncer. ”

 

– Sobrevivente de câncer

Algumas palavras que você pode ouvir sobre o câncer:

Benigno - um tumor que não é cancerígeno;

Biópsia – retirada de um pedaço de tecido para verificar se há presença de células cancerígenas;

Câncer - palavra usada para descrever mais de cem doenças que contém desenvolvimento de células de forma descontrolada, ou tumor que contém câncer;

Quimioterapia – Utilização de drogas para tratamento de doença. Frequentemente, na maioria das vezes, a palavra se refere às drogas usadas para tratar câncer sendo também chamada “quimio.”;

Maligno – tumor que tem câncer;

Metástase – a migração das células cancerígenas para partes distantes do corpo através do sistema linfático ou corrente sanguínea;

Oncologista – Médico que trata pessoas com câncer;

Radioterapia – uso de elevada energia radioativa, para tratar o câncer;

Remissão - quando há desaparecimento dos sinais ou sintomas do câncer total ou parcialmente;

Estágio – Palavra que designa, se um câncer se espalhou e como;

 

 

http://www.cancer.org/cancer/cancerbasics/what-is-cancer

Tradução: Adelson Alves

Newsletter

Assine a nossa newsletter: