Regras para controlar a língua

 

Regras para o controle da língua

 

(Toda religião, todo sistema filosófico ou códigos de ética incluem conselhos visando conter as atividades irrefletidas da língua que a Bíblia Cristã se refere como “um mau incontrolável e cheia de veneno mortal.”  Aqui estão algumas das regras que Jain Shastras forneceu para orientar e dominar essa estrepitosa criadora de problema.)

1.    Evite a mentira; só fale palavras que sejam verdadeiras e sinceras.

2.    Evite o exagero; fale com simplicidade e franqueza.

3.    Evite o fingimento; não engane com palavras, nem olhar ou gesto.

4.    Evite falar coisas ruins; pratique a boa vontade.

5.    Não ouça, não invente ou repita uma história maldosa.

6.    Evite conversas inúteis; aprenda a ficar em silêncio.

7.    Evite acusação, recriminação, condenação e gozação. Pratique o perdão. Não condene quem anda por caminhos tortuosos, mas os proteja com compaixão, caminhando no seu próprio caminho.

8.    Evite discursos frívolos, zombeteiros e irreverentes. Seja humilde em suas palavras. Fale com sinceridade e reverência. Seriedade e reverência são marcas de pureza e sabedoria.

9.    Evite ficar procurando falhas. Pratique o autocontrole. Evite argumentos desnecessários. Não entre em contendas verborreicas sobre as coisas. Se alguém, de modo violento, se opor a você deixe a palavra final com ele.

10. Não entre em disputa sobre a verdade, mas a pratique. Limpe o seu coração, adquira bondade e pratique a virtude.

11. Comece a adotar um voto de silêncio um dia por semana ou durante uma hora todo dia, enquanto faz sua caminhada.

Newsletter

Assine a nossa newsletter: